JANE EYRE por Charlotte Brontë

O romance Jane Eyre escrito por Charlotte Brontë publicado em 1847, é uma bela obra da literatura, que se passa na Inglaterra na Era Vitoriana, é um romance em formação, tendo a personagem Jane Eyre como foco, é retratado o seu constante crescimento e desafios em fases diferentes de sua vida, vemos o crescimento e amadurecimento da personagem, em cada página do livro.

Um romance que você se envolve completamente na história da personagem, você se vê cada vez querendo saber mais sobre os dramas e segredos que é mostrado, nos deixando empolgados e curiosos pela revelação seguinte. É misterioso, tem seu senso de humor único, com muitos altos e baixos, emoções sentidas e acontecimentos a todo momento deixando o leitor inspirado a continuar a leitura.

É uma leitura cheia de questões morais e éticas sendo retratadas, não é um romance simples, questões profundas e aprendizados dos mais diferentes e verdadeiros vividos pela personagem é presente na história.

Jane Eyre é uma personagem intensa, real, um crescimento constante de um ser único. Desde criança, como contado na história, ela sempre sozinha, aprendeu a lidar com seus dilemas e emoções muito bem, aprendeu sobre seus pontos fortes e prioridade, lidando com muitas de suas dificuldades; é uma personagem com personalidade notável, ela é forte, competente e livre. Valorizando a própria opinião, seus ideais e a tranquilidade que têm consigo mesma. É de extrema inteligência e beleza simples, a personagem é dedicada a si e ao aprender, Jane sente, sente muito mesmo, mas ela aprende a se controlar, tendo consigo que, ser controlada por alguém jamais será uma opção aceita por ela. Por mais tranquila consigo que ela seja, tem seus muitos lados, como todo ser humano, e isto, é retratado de uma maneira única e tão Jane Eyre possível, a personagem dá a leitura um extremo prazer por cada página e palavras ali escrita.

O crescimento de uma personagem, desde muito nova retratado, que foi abandonada por uma família que não a valorizava, Jane cresce em um colégio/orfanato que tem uma rigidez extrema com as crianças que ali vivem, com isso, a personagem passa a valorizar a si, evoluindo e indo em busca de sustentar a si com seu conhecimento, se torna uma educadora, que após fazer dezoito anos passa a trabalhar em uma mansão que poucos ali viviam. Sabendo como viver por si e aprendendo com a vida, Jane Eyre é uma leitura muito prazerosa e encantadora, com seus mistérios e dilemas, muitas de suas reviravoltas, é um livro extremamente envolvente e carregado por uma personagem notável.

Como a própria Jane diz:

“Eu não sou um pássaro e nenhuma rede me enlaça. Eu sou um ser humano livre com vontade independente”, Charlotte Brontë.

“Mas eu continuava viva, e a vida, com suas necessidade e dores e responsabilidades me chamavam” Charlotte Brontë.

Clássicos da literatura escritos por mulheres têm de fato me conquistado cada vez mais! Espero que você se dê uma chance de ter a experiência de ler Jane Eyre, e caso já tenha lido, quem sabe você se dê a chance de reler? 

escrito por: AMY ROMERO

Autor: cafemono

a leitura é a minha maior forma de aprendizado e conforto.

Uma consideração sobre “JANE EYRE por Charlotte Brontë”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s